Acontecimentos históricos do dia 1 de Abril

1955 — Chega de mudança em Marechal Cândido Rondon o casal pioneiro Alvine (nascida Reuter) e Francisco Strenske (...)

|| Francisco e Alvine Strenske  com os filhos na lavoura de café na chácara de sua propriedade na Sanga Borboleta, em fotografia de 1959. Da esquerda à direita: Guido, Haari, Ursula e Lizelote, Alvine e Francisco Imagem: Acervo Haari Stresnke - FOTO 1 -
|| Francisco e Alvine Strenske com os filhos na lavoura de café na chácara de sua propriedade na Sanga Borboleta, em fotografia de 1959. Da esquerda à direita: Guido, Haari, Ursula e Lizelote, Alvine e Francisco Imagem: Acervo Haari Stresnke - FOTO 1 -
|| Estátua em homenagem ao tenente-coronel Diogo Pinto de Azevedo Portugal erigida na cidade de Guarapuava, no ano de 2010, em comemoração aos 200 anos da cidade. O monumento esculpido em bronze foi obra contratada pelo prefeito Fernando Ribas Carli .
Imagem: Acervo Commons.Wikimedia - FOTO 2 -
|| Estátua em homenagem ao tenente-coronel Diogo Pinto de Azevedo Portugal erigida na cidade de Guarapuava, no ano de 2010, em comemoração aos 200 anos da cidade. O monumento esculpido em bronze foi obra contratada pelo prefeito Fernando Ribas Carli .
Imagem: Acervo Commons.Wikimedia - FOTO 2 -
|| Capa da 1ª edição do extinto jornal curitibano
|| Capa da 1ª edição do extinto jornal curitibano "O Dezenove de Dezembro"., em abril de 1854.
Imagem: Acervo Biblioteca Nacional - FOTO 3 -
|| Piloto Cícero Marques à frente de seu avião
|| Piloto Cícero Marques à frente de seu avião "Bleriót", em Curitiba, no Hipódromo do Prado Velho, em abril de 1914.
Imagem: Acervo Gazeta do Povo (Curitiba ) - FOTO 4 -
|| Jornalistas à frente do avião
|| Jornalistas à frente do avião "Bleriót", de Cícero Marques, em Curitiba, em abril de 1914.
Imagem: Acervo Gazeta do Povo - FOTO 5 -
|| Prédio próprio do Colégio La Salle, na cidade de Toledo, na década de 1960. 
Imagem: Acervo Projeto Memória Rondonense - FOTO 6 -
|| Prédio próprio do Colégio La Salle, na cidade de Toledo, na década de 1960.
Imagem: Acervo Projeto Memória Rondonense - FOTO 6 -
|| A então Serraria da Familia Ragazzan na atual sede distrital de Novo Três Passos, na década de 1960.
Imagem: Acervo Família Seyboth – FOTO  7 -
|| A então Serraria da Familia Ragazzan na atual sede distrital de Novo Três Passos, na década de 1960.
Imagem: Acervo Família Seyboth – FOTO 7 -
|| Walter Basso em fotografia no começo da carreira de cantor.
 Imagem: Acervo Ilga Schroeder/Mirta Steinmacher – FOTO 8 -
|| Walter Basso em fotografia no começo da carreira de cantor.
Imagem: Acervo Ilga Schroeder/Mirta Steinmacher – FOTO 8 -
|| Complexo da Ricasa projetado para a filial de Marechal Cândido Rondon e único prédio (inacabado) levantado pelo grupo empresarial.
Recorte extraído do jornal
|| Complexo da Ricasa projetado para a filial de Marechal Cândido Rondon e único prédio (inacabado) levantado pelo grupo empresarial.
Recorte extraído do jornal "Rondon Hoje", ed. de 17 de julho de 1977.
Imagem: Acervo Projeto Memória Rondonense - FOTO 9 -
|| Destaque do
|| Destaque do "Diário do Paraná sobre a interiorização do Governo do Paraná, na cidade de Cascavel, em começo de abril de 1978.
Imagem: Acervo Biblioteca Nacional Digital - FOTO 10 -
|| Médico-veterinário Leopoldo Piotrowski reconduzido à presidência da Copagril, em começo de abril de 1978.
Imagem: Acervo Projeto Memória Rondonense - FOTO 11 --
|| Médico-veterinário Leopoldo Piotrowski reconduzido à presidência da Copagril, em começo de abril de 1978.
Imagem: Acervo Projeto Memória Rondonense - FOTO 11 --
|| Manifesto de D. Pedro Fedalto e religiosos publicado no extinto
|| Manifesto de D. Pedro Fedalto e religiosos publicado no extinto "Diário do Paraná, em abril de 1981.
Imagem: Acervo Biblioteca Nacional Digital - FOTO 12 -
|| Aula inaugural do Curso de Geografia do campus da Unioeste de Marechal Cândido Rondon, em começo de abril de 1997.
Imagem: Acervo Geografia - Unioeste - FOTO 13 -
|| Aula inaugural do Curso de Geografia do campus da Unioeste de Marechal Cândido Rondon, em começo de abril de 1997.
Imagem: Acervo Geografia - Unioeste - FOTO 13 -
|| Moto passeio de Marechal Cândido Rondon que se deu em abril de 2007. Público reunido nas confluências das Avenidas Maripá e Rio Grande do Sul. 
Imagem: Acervo Kaefer Motos (Marechal Cândido Rondon) - FOTO 14 -
|| Moto passeio de Marechal Cândido Rondon que se deu em abril de 2007. Público reunido nas confluências das Avenidas Maripá e Rio Grande do Sul.
Imagem: Acervo Kaefer Motos (Marechal Cândido Rondon) - FOTO 14 -
|| Rondonense Alexandre Olivoto, fundador da empresa Imperial Vidros Temperados, na cidade de Marechal Cândido Rondon (PR), em abril de 2013.
Imagem: Acervo O Presente - FOTO 15 -
|| Rondonense Alexandre Olivoto, fundador da empresa Imperial Vidros Temperados, na cidade de Marechal Cândido Rondon (PR), em abril de 2013.
Imagem: Acervo O Presente - FOTO 15 -
|| Transmissão de cargo de diretor-presidente da Ocepar, de José Paulo Koslovski (e) ao engenheiro-agrônomo José Roberto Ricken, em abril de 2016.
Imagem: Acervo Ocepar – FOTO 16 –
|| Transmissão de cargo de diretor-presidente da Ocepar, de José Paulo Koslovski (e) ao engenheiro-agrônomo José Roberto Ricken, em abril de 2016.
Imagem: Acervo Ocepar – FOTO 16 –
|| Empresário Leorevaldo Curtarelli de Oliveira (e) recebendo o
|| Empresário Leorevaldo Curtarelli de Oliveira (e) recebendo o "pin" de presidente da Caciopar, de seu antecessor, o empresário rondonense Sérgio Marcucci, em abril de 2016. Imagem: Acervo Caciopar – FOTO 17 –
|| Pioneiro rondonense  Ludwig Römer, que faleceu aos 86 anos, em abril de 2016. Imagem: Acervo Selma Römer Krack - FOTO 18 -
|| Pioneiro rondonense Ludwig Römer, que faleceu aos 86 anos, em abril de 2016. Imagem: Acervo Selma Römer Krack - FOTO 18 -
|| Ruben Luersen, primeiro contador da Prefeitura Municipal de Marechal Cândido Rondon, falecido em abril de 2018. 
Imagem: Acervo da família - FOTO 19 -
|| Ruben Luersen, primeiro contador da Prefeitura Municipal de Marechal Cândido Rondon, falecido em abril de 2018.
Imagem: Acervo da família - FOTO 19 -
|| Cesta de Ovos de Páscoa artisticamente preparados pela rondonense Darcila Haubert, moradora em Brasília, em abril de 2018.
Imagem: Acervo pessoal - FOTO 20 -
|| Cesta de Ovos de Páscoa artisticamente preparados pela rondonense Darcila Haubert, moradora em Brasília, em abril de 2018.
Imagem: Acervo pessoal - FOTO 20 -
|| Vereador Cleiton Freitag que renunciou a vice-presidência da Câmara Municipal de Marechal Cândido Rondon,  no começo de abril de 2019. 
Imagem: Acervo Imprensa CM-MCR - Crédito: Cristiano Marlon Viteck - FOTO 21 -
|| Vereador Cleiton Freitag que renunciou a vice-presidência da Câmara Municipal de Marechal Cândido Rondon, no começo de abril de 2019.
Imagem: Acervo Imprensa CM-MCR - Crédito: Cristiano Marlon Viteck - FOTO 21 -
|| Engenheiro agrônomo José Roberto Ricken reconduzido à presidência da Ocepar para a quadriênio 2019/2023, em abril de 2019. 
Imagem: Acervo Sistema Ocepar - FOTO 22 -
|| Engenheiro agrônomo José Roberto Ricken reconduzido à presidência da Ocepar para a quadriênio 2019/2023, em abril de 2019.
Imagem: Acervo Sistema Ocepar - FOTO 22 -
|| Vereadores rondonenses que formularam o projeto de resolução para inclusão de parágrafos no Regimento Interno da Câmara Municipal de Marechal Cândido Rondon, em abril de  
Imagem: Acervo O Presente - FOTO 23 -
|| Vereadores rondonenses que formularam o projeto de resolução para inclusão de parágrafos no Regimento Interno da Câmara Municipal de Marechal Cândido Rondon, em abril de
Imagem: Acervo O Presente - FOTO 23 -
|| Ricardo Silvio Chapla recebendo o troféu
|| Ricardo Silvio Chapla recebendo o troféu "Cooperativas Orgulho do Paraná" das mãos de Valter Vanzella, diretor-presidente da Cooperativa Central Frimesa, em começo de abril de 2019.
Imagem: Acervo Revista Copagril - FOTO 24 -
|| Rineu Menoncin, prefeito municipal de Matelândia, que assumiu a presidência da Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (AMOP), em começo de abril de 2020.
Imagem: Acervo O Presente - FOTO 25 -
|| Rineu Menoncin, prefeito municipal de Matelândia, que assumiu a presidência da Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (AMOP), em começo de abril de 2020.
Imagem: Acervo O Presente - FOTO 25 -
|| Professora quatropontense Beatriz Helena Deimling, de língua alemã, falecida em começo de abril de 2021.
Imagem: Acervo Facebook - FOTO 26 -
|| Professora quatropontense Beatriz Helena Deimling, de língua alemã, falecida em começo de abril de 2021.
Imagem: Acervo Facebook - FOTO 26 -
|| Vereador Alécio Espíndola, da cidade de Cascavel, acorrentado na recepção ao ministro dos Transportes, Tarcísio de Freitas, em abril de 2021.
Imagem: Acervo Tarobá News - FOTO 27 -
|| Vereador Alécio Espíndola, da cidade de Cascavel, acorrentado na recepção ao ministro dos Transportes, Tarcísio de Freitas, em abril de 2021.
Imagem: Acervo Tarobá News - FOTO 27 -
|| Empresária rondonense Mirta Steinmacher que assumiu a presidência da Associação Beneficente Lar Rosas Unidas, em começo de abril de 2022.
Imagem: Acervo O Presente - FOTO 28 -
|| Empresária rondonense Mirta Steinmacher que assumiu a presidência da Associação Beneficente Lar Rosas Unidas, em começo de abril de 2022.
Imagem: Acervo O Presente - FOTO 28 -
|| Ilda Bet, professora de Educação Especial, que se aposentou no começo de abril de 2022.
Ima: Acervo pessoal - FOTO 29 -
|| Ilda Bet, professora de Educação Especial, que se aposentou no começo de abril de 2022.
Ima: Acervo pessoal - FOTO 29 -
|| Arcebispo emérito D. Lúcio Ignácio Baumgartner, de Cascavel (PR), falecido em começo de abril de 2023.
Imagem: Acervo Diocese de Toledo - FOTO 30 -
|| Arcebispo emérito D. Lúcio Ignácio Baumgartner, de Cascavel (PR), falecido em começo de abril de 2023.
Imagem: Acervo Diocese de Toledo - FOTO 30 -
|| Deputado federal Elton Welter (c) em visita ao coordenador do Projeto Memória Rondonense, acompanhado de seu assessor Fernando Nègre Nascimento (e), em começo de abril de 2023.
Imagem: Assessoria do Deputado - FOTO 31 -
|| Deputado federal Elton Welter (c) em visita ao coordenador do Projeto Memória Rondonense, acompanhado de seu assessor Fernando Nègre Nascimento (e), em começo de abril de 2023.
Imagem: Assessoria do Deputado - FOTO 31 -
|| Rondonense Jessica Krein que participou do Miss Universo Paraná 2023, em começo de abril de 2023.
Imagem: Acervo Imprensa - PM -MCR - FOTO 32 -
|| Rondonense Jessica Krein que participou do Miss Universo Paraná 2023, em começo de abril de 2023.
Imagem: Acervo Imprensa - PM -MCR - FOTO 32 -
|| Banner alusivo ao evento
|| Banner alusivo ao evento "Brincando no Lago", realizado em começo de abril de 2023.
Imagem: Acervo Projeto Memória Rondonense - FOTO 33 -
|| Pôr do sol em foto feita a partir da Linha São Luiz, no município de Mercedes (PR), por Eli Marcon, em 01 de abril de 2023 - FOTO 34
 -
|| Pôr do sol em foto feita a partir da Linha São Luiz, no município de Mercedes (PR), por Eli Marcon, em 01 de abril de 2023 - FOTO 34
-

1809 — O príncipe-regente de Portugal e do Brasil, futuro rei D. João VI, cria a Expedição Real de Conquista e Colonização dos Campos de Guarapuava¹, povoados por índios. Seria a segunda bandeira de ocupação daquele pedaço do território paranaense, comandada pelo tenente-coronel Diogo Pinto de Azevedo Portugal.

A ocupação dos campos de Guarapuava abre espaço para a colonização do Oeste do Paraná (COSTA, Luiz Alberto Martins da. Calendário Histórico de Toledo — Cronologia de Fatos, Registros e Curiosidades da História do Muncípio de Toledo. Toledo: GFM Gráfica & Editora, 2009, p. 69). -- FOTO 2 --
 

¹ Para descrever o que são esses campos, seus limites e sua ocupação, o historiador Cristiano Augusto Durat, em seu texto “Uma nova abordagem da Ocupação e Colonização dos Campos de Guarapuava”, vale da citação do Padre Francisco das Chagas Lima (primeiro padre a atender a Igreja Nossa Senhora de Belém da Freguezia de Guarapuava):
 

" Ficam comprehendidos os campos de Guarapuava em uma parte do território antigamente denominado Guairá. Contam que aquelle nome lhe foi dado por uns antigos sertanistas, que havendo chegado aos ditos, e caçando uma arara, que prenderam pelo pé, esta fizera esforços por libertar-se, e não podendo partir a correntinha com o bico, applicou este á perna, e cortando-a se escapou. Os sertanistas então disseram, em phrase da antiga linguagem do paiz, Guará (em contraposição à palavra Guairá, que significa pássaro pequeno), e Puava, isto é ave que não é rasteira, mas voadora veloz; cujo acontecimento resultou ficar o campo com aquelle nome, o qual depois se deu ao vasto terreno desde o rio Ytatú( em cujas margens esteve a antiga e demolida Villa Rica) até ás cabeceiras do Uruguay, e desde a Serra dos Agudos até o rio Paraná. Comtudo à extensão dos ditos campos tem somente 20 leguas de comprimento, e 12 a 14 de largura, limitado pelos bosques que os circundam, e os separam dos Campos geraes de Coritiba, do rio Pequiry, do rio Cavernoso, e do Rio do Pinhão, tendo ao Sul o rio Iguassú, que é bordado por uma estreita orla de mato nos fundos dos ditos campos.” 

___________________________________

1854 — Inicia sua publicação em Curitiba o jornal “O Dezenove de Dezembro”, de propriedade do sr. Cândido Martins Lopes, homem de grande energia e valor, que teve a feliz inspiração de vir através de todas as dificuldades, de todos os sacrifícios, montar a sua modesta oficina tipográfica, inaugurando a imprensa no Paraná. O seu importante jornal teve forte e salutar influência na formação da Província, cuja vida acompanhou até a Proclamação da República. / Foi forte orientador das correntes sociais, lutando sempre em prol das grandes ideias que se debatiam no cenário da Pátria. [Um decreto do Governo Provisório, restringindo as liberdades de imprensa, fez com que após 35 anos de existência suspendesse a sua publicação (1890)]. Em 01/01/1884, passa para edições diárias. Era o regime das liberdades da República Brasileira, que já se fazia sentir na imprensa e que teria de chegar aos nossos dias com a Lei Gordo – Regulamento a Liberdade de Imprensa no Brasil.

"O Dezenove” no seu artigo programa, diz “a imprensa, como todas as instituições e cousas humanas, tem um lado bom e outro mau, pois se é origem das vantagens sociais, também com razão se lhe atribuem males gravíssimos... Esse Programa é: - Informar o público do procedimento do Governo da Província, e das diversas autoridades dela, mediante a publicação de seus atos oficiais, apontar e discutir com a devida circunspeção as medidas que mais consentâneas foram ao engrandecimento da Província, aceitando nesse sentido, para dar à luz da imprensa, escritos e informações de quem quer que esteja no caso de lh’os ministrar, abstendo-se completamente de questões políticas... Em verdade, quando os esforços do Governo, e os passos que ele dá, revelam a benéfica intenção que nutre; de chamar a concórdia os ânimos dos Paranaenses, quando essa é, na opinião dos homens imparciais, a mais vital necessidade da Província, que deseja ardentemente ver cicatrizadas, com o balsamo saudável da conciliação, as chagas sangrentas e profundas das passadas discórdias, fora da parte de um estabelecimento topográfico, vindo da Corte, por sua própria inspiração, para o fim de trazer uma pedra, senão angular, mui ajustada, ao edifício magnifico da criação deste Província, fora, dizemos, um erro imperdoável e rematada imprudência excitar com questões de partidos, e artigos de política, esses ódios inveterados, que convém a todo custo atenuar e mesmo desvanecer(sic) (NEGRÃO, Francisco. Efemérides Paranaenses. Revisão e ampliação de Carlos Zatti. Curitiba: Instituto Histórico e Geográfico do Paraná, enviado via meio eletrônico (e-mail), em 31.03.2021). -- FOTO 3 --

___________________________________

1914 — Ocorre na cidade de Curitiba o 1º vôo panorâmico sobre a Capital Paranaense. A proeza é realizada pelo civil Cícero Marques, com um avião modelo "Bleriót", batizado de "Bahiano". Cícero decola com o aeroplano do Hipódromo do Prado Velho, onde hoje (2022) está a Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), alça a altura de 320 metros, contorna as torres da Catedral e volta ao campo de onde saiu (em: Ninho das Velhas Águias — Aero Clube do Paraná, de Adil Calemeno, citado por Paulo Roberto Grani em Antigamente em Curitiba/Facebook/postagem de 03.10.2018). -- FOTOS 4 e 5 --

___________________________________

1956 — Ocorre a Páscoa de 1956.

___________________________________

1955 — Chega de mudança em Marechal Cândido Rondon o casal pioneiro Alvine (nascida Reuter) e Francisco Strenske, em companhia dos filhos Nelson, Marga, Guido, Haari, Liselotte e  Úrsula, procedente do interior de Três Passos (RS) (colaborou Haari Stresnke). -- FOTO 1 --

___________________________________

1957 — Chega de mudança em Marechal Cândido Rondon o casal pioneiro Santilia (nascida Kniss) e Willy Guilherme Hamm, em companhia dos filhos Celso e Celi, após 11 dias de viagem, procedente do interior de Ituporanga (SC) instalando-se na localidade de Mercedes Nova (hoje sede municipal de Mercedes) (nota do pesquisador).

__________________________________

1960 — O Colégio La Salle¹, na cidade de Toledo (PR), começa a transferência de alunos e atividades para o prédio próprio construído à Rua Guarani  (COSTA, Luiz Alberto Martins da. Calendário Histórico de Toledo — Cronologia de Fatos, Registros e Curiosidades da História do Município de Toledo. Toledo: GFM Gráfica & Editora, 2009, p. 69). -- FOTO 6 --
 

¹ Muitos jovens rondonenses estudaram neste educandário, cursando o antigo ginasial (nota do pesquisador). 

__________________________________

1960 — Chega em Marechal Cândido rondon Rondon, o pioneiro José Luiz Ragazzan em companhia dos filhos Ângelo Avelino, Francisco e Onório. Vieram para abrir a área de terras no atual distrito de Novo Três Passos, para a instalação da primeira serraria na localidade (nota do pesquisador). -- FOTO 7 --

__________________________________

1970 — É realizada reunião com a comunidade rondonense de Novo Horizonte, para tratar sobre o fornecimento de energia elétrica pela Companhia Paranaense de Energia Elétrica – Copel (nota do pesquisador).

___________________________________

1975 — Circula o primeiro número do extinto jornal estudantil “O Mensageiro”, editado por estudantes do então Ginásio Estadual, hoje Colégio Estadual Eron Domingues, de Marechal Cândido Rondon (nota do pesquisador).

___________________________________

1977 — São abertas as inscrições para o campeonato municipal de futebol de campo – 1ª divisão, da Liga Rondonense de Esportes, com encerramento no dia seguinte (VIANNA, Dirceu da Cruz (dcv). Futebol com inscrição aberta. Marechal Cândido Rondon:Rádio Difusora Rondon AM Frente Ampla de Notícias, vol. 34, cad. 01.04.1977 a 29.04.1977, ed. 01.04.1977, p. 8. Programa de Rádio).

___________________________________

1977 ‒ O cantor Walter Basso conclui na Capital Paulista a gravação de seu primeiro long-play de vinil, com 12 músicas, pela Gravadora Scala. (VIANNA, Dirceu da Cruz (dcv). Walter Basso sela sua sorte em um "LP". Marechal Cândido Rondon:Rádio Difusora Rondon AM Frente Ampla de Notícias, vol. 34, cad. 01.04.1977 a 29.04.1977, ed. 04.04.1977, p. 63. Programa de Rádio). -- FOTO 8 --

___________________________________

1977 — Em assembleia geral extraordinária, diretores e acionistas do grupo empresarial Ricasa - Indústria e Comércio e Agricultura S.A. com sede na cidade paranaense de Rolândia decide pela descontinuidade da implantação de uma filial¹ na cidade de Marechal Cândido Rondon (PR), sob alegação de não ter disponibilidade financeira para tocar o projeto. 

Publicação do extinto jornal "Rondon Hoje" assim se referiu sobre o fim da filial da Ricasa em Marechal Cândido Rondon:
 

A Ricasa não vem mais. E agora?

       A Ricasa, que pretendia instalar um projeto agro-Industrial no Município, já abandonou a idéia, depois de ter vendido 2 milhões de cruzeiros em ações.
       Através da ata da assembléia geral extraordinária realizada em abril deste ano, e que foi publicada no Diário Oficial da União, descobre-se agora que o terreno e prédio inacabado, situados nos arredores da cidade, foram vendidos para a Ricassolo, uma empresária subsidiária do grupo Ricasa, que determinou o fechamento da filial de Marechal Cândido Rondon, e colocou o terreno como o prédio à venda. E agora? Como é que ficam os acionistas?

       Em maio de 1975, uma empresa com sede em Rolandia,a Ricasa - Rolândia - Indústria e Comercio e Agricultura S. A., representada pelo seu diretor-presidente, Klaus Nixdorf, manifestou interesse em instalar-se em Marechal Cândido Rondon.
       Em carta de intenção enviada à Prefeitura, a Ricasa apresentou um projeto agro-industrial, englobando adubos, sementes, silos, máquinas, rações, etc., a ser concretizado. O próprio diretor-presidente da empresa, acompanhado de vários assessores, inclusive esteve na cidade, para explicar o projeto. Tudo bem.
       A Prefeitura obviamente mostrou-se interessada porque seria mais uma empresa que se instalaria no Município, e a Ricasa passou a vender ações em Marechal Cândido Rondon. De saída a empresa vendeu mais de 2 milhões de cruzeiros em ações, o pessoal passou a exigir que se desse início ao projeto. A Ricasa comprou então um terreno, nas proximidades da cidade, e começou um dos prédios que comporiam o projeto agro-industrial.
       Mas a coisa não seguiu em frente, a construção da obra não foi terminada, e o pessoal que comprou ações ficou desconfiado. Cartas foram enviadas à Ricasa, solicitando informações sobre o estágio do projeto, e o papo era quase sempre o mesmo: precisava-se vender mais ações, etc. e tal. A essa altura, muita gente já não confiava mais no empreendimento e deixava de pagar as ações. Mesmo assim, forsm pagos mais de 800 mil cruzeiros. E a obra da Ricasa continua lá: parada. 

       A COMPRA DO TERRENO

       O terreno onde a Ricasa pretendia instalar foi comprado do sr. Fredolino Strey, por 400 mil cruzeiros. Fredolino recebeu 100 mil cruzeiros em ações da empresa, e o restante em prestações de 50 mil cruzeiros por mes. Fredolino entregou o terreno já escriturado.
       Para dar inicio às obras foi contratada a Incorol, que recebeu 70 mil cruzeiros pela mão-de-obra, pois a Ricasa entrou com o material. Quando a empresa de Rolândia deixou de fornecer tijolos, argamassa, vigas, etc., a Incorol naturalmente teve que suspender os seus trabalhos, retirando seus pedreiros e serventes. 
       A construção da estrutura metálica foi contratada junto à Argus, que apenas forneceria a mão-de-obra, pois a Ricasa entraria com o material. A estrutura metálica não chegou a ser concretizada, porque o material não veio. Também neste caso o pagamento seria feito por intermédio de ações.

       O terreno e o prédo estão à venda!

       Se alguém em Marechal Cândido Ronda ainda tem esperanças de que a Ricasa venha a implantar o seu projeto agro-industrial, pode tirar o cavalinho da chuva.
       A empresa não vai fazê-lo mais, e isto não é ninguém de Rondon que está firmando, mas o próprio grupo Ricasa, através de uma de suas empresas,  a Ricassolo.
       No dia 01  de abril deste ano, os acionistas da Ricassolo S. A. - Industria e Comercio de Adubos realizaram Assembléia Geral em Rolândia sob a presidência de Klaus Nixdorf, onde foram tomadas uma série de decisões, entre as quais a extinção da filial em Marechal Cândido Rondon.
       Da ata, publicada pelo Diário Oficial do Estado a 17 de junho passado, depreende-se que a Ricasa vendeu o terreno que comprara em Marechal Cândido Rondon à Ricassolo, por Cr$500 mil, e mais o armazém (em construção), por Cr$ 362.151,16, "o que representa um capital parado, sem condições de produzir lucros".
       A Ricassolo, segundo a ata, também não tem condições financeiras de dar continuidade às obras e montar uma fábrica naquela cidade (N.R.: Marechal Cândido Rondon), mesmo porque seria economicamente menos viável do que uma fábrica ou filial em Paranaguá, razões pelas quais a Diretoria solicita a esta Assembléia a extinção da mesma". E, mais adiante: "Feitas as explicações, o sr. presidente consultou aos presentes se alguma coisa havia para ser esclarecida e como ninguém se manifestasse colocou a matéria em votação, tendo sido aprovada por unanimidade, ficando extinta a partir desta data as filiais de Marechal Candido Rondon e Curitiba (...) com a recomendação de que o terreno e o edifício fosse desmobilizados e colocados à venda" (sic) (Rondon Hoje. Marechal Cândido Rondon: ed. 27.07.1977, p. 5 ). -- FOTO 9 --



¹ Anos depois a área de terras e mais as instalações como se encontravam foram adquiridas pelo empresário rondonense Nelto Leopoldo Schneider (nota do pesquisador). 

___________________________________

1978 — Acontece e vai até o dia 02, a interiorização do Governo do Paraná, na cidade de Cascavel. O município de Marechal Cândido Rondon comparece à recepção ao governador Jayme Canet Júnior e a solenidade de instalação, com a maior comitiva entre os municípios do Oeste Paraná.

Na audiência com o governador, às 9h45m, de 1º de abril, as autoridades rondonense solicitam a pavimentação do trecho rodoviário entre as cidades de Marechal Cândido Rondon e Guaira, a criação de colégio agrícola, instalação de uma Ciretran, entre outras reivindicações (Rádio Difusora do Paraná AM. Frente Ampla de Notícias: Marechal Cândido Rondon: vol. 42, de 24.02.1978 a 05.04.1978, p. A-329, A-330, A-331, A-331 e A-336. Programa de Rádio). -- FOTO 10 --

__________________________________

1978 — É "inaugurado o Convento Nossa Senhora de Lourdes, da Congregação das Irmãs Franciscanas Beata Angelina, no Jardim Porto Alegre, em Toledo" (PR) (COSTA, Luiz Alberto Martins da. Calendário Histórico de Toledo — Cronologia de Fatos, Registros e Curiosidades da História do Município de Toledo. Toledo: GFM Gráfica & Editora, 2009, p. 69).

__________________________________

1978 — Com jantar no Clube Concórdia, toma possa a nova diretoria da Cooperativa Agrícola Mista Rondon Ltda. (COPAGRIL), agora Cooperativa Agroindustrial Copagril, para o biênio 1978/179, tendo como diretor presidente, o médico-veterinário Leopoldo Piotrowski, reconduzido ao cargo pela terceira vez (Rondon Hoje. Marechal Cândido Rondon: Editora Independente Ltda.. ano 1, nº 33, ed. 6 a 13 de abril de 1978, p. 11). -- FOTO 11 --

__________________________________

1981 — Manifesto firmado pelo arcebispo de Curitiba, D. Pedro Fedalto e um grupo de religiosos, vêm em defesa dos expropriados da Itaipu Binacional, da Reforma Agrária e contra a concentração de terra. 

O documento é decorrente do acampamento de agricultores à beira da rodovia federal BR-277 que protestam contra à falta de solução para suas reivindicações por parte da Binacional (Diário do Paraná. Curitiba: Ano XXVII, nº 77.765, ed. 02.04.1982, p. 2 - Biblioteca Nacional Digital). -- FOTO 12 --

__________________________________

1986 — Em reunião com representantes da sociedade rondonense, vereadores, prefeito municipal (Ilmar Priesnitz) e secretários, na sala de reuniões da Prefeitura Municipal, é aprovado o projeto de germanização¹  de Marechal Cândido Rondon (caracterização de construções ao enxaimel (fachwerk, em alemão, grifo nosso). 

O projeto foi proposto pela Câmara Júnior de Marechal Cândido Rondon, agora - JCI - Marechal Cândido Rondon (Rádio Difusora do Paraná AM. Comunidade aporovou o projeto de germanização. Panorama. Marechal Cândido Rondon: vol. 003, abril a maio de 2019, fls. 08. Programa de Rádio). 
 

¹ O projeto foi implementado pelo Executivo Municipal rondonense. Os primeiros anos houve uma considerável adesão à proposta, porém aos poucos o ânimo à  foi perdendo a vitalidade e o interesse do público e a proposta se reduziu a zero (nota do pesquisador).

___________________________________

1992 — É fundada a Associação de Recuperação de Alcoólatras de Marechal Cândido Rondon, nas dependências da pavilhão de eventos da Matriz Católica Sagrado Coração de Jesus (O Presente. Marechal Cândido Rondon: ed. 28 de março de 2017, p. 24).

___________________________________

1996 — É "formalizada a sociedade das Famílias Gatto e Brandalise, viabilizando a Indústria Nacional de Bebidas (Inab), ou Cervejaria Colônia, de Toledo.

O projeto nasce em 1994 com aquisição de equipamentos usados e a produção das cervejas Xingu e Astro, avançando em 1998, quando é dominada a mais moderna tecnologia do setor (COSTA, Luiz Alberto Martins da. Calendário Histórico de Toledo — Cronologia de Fatos, Registros e Curiosidades da História do Município de Toledo. Toledo: GFM Gráfica & Editora, 2009, p. 69)

___________________________________

1997 — Acontece a aula inaugural do curso de Licenciatura em Geografia do campus da Unioeste de Marechal Cândido Rondon, com o professor dr. Milton Santos (Geografia Unioeste). -- FOTO 13 --

___________________________________

2004 — É "iniciada a construção do Centro Comercial Catedral Padre Marino, da Diocese de Toledo (PR). O projeto prevê 30 lojas para locação e estacionamento coberto de 140 vagas" (COSTA, Luiz Alberto Martins da. Calendário Histórico de Toledo — Cronologia de Fatos, Registros e Curiosidades da História do Município de Toledo. Toledo: GFM Gráfica & Editora, 2009, p. 69)

___________________________________

2006 — "O aposentado e artista plástico Frei Pacífico, de 70 anos, de Guaíra (PR), é dono de ilha paradisíaca. Há 10 anos comprou uma das 156 ilhas do Parque da Ilha Grande por 200 reais, plantou 25 mil mudas de 85 espécies nativas e agora possui floresta de 10 hectares, no meio do Rio Paraná"  (COSTA, Luiz Alberto Martins da. Calendário Histórico de Toledo — Cronologia de Fatos, Registros e Curiosidades da História do Município de Toledo. Toledo: GFM Gráfica & Editora, 2009, p. 70).

___________________________________

2007 — Acontece o moto passeio de Marechal Cândido Rondon pelas avenidas Maripá e Rio Grande do Sul (nota do pesquisador). -- FOTO 14 --

___________________________________

2013 — O jovem empreendedor rondonense Alexandre Olivoto funda a empresa Imperial Vidros Temperados, com sede no Bairro São Mateus, na cidade de Marechal Cândido Rondon (PR) (KUNZLER, Arno. Jovens Ousados Vencedores - Destaques 2021 - Conheça empreendedores que mudaram a história de seus negócios e os tornaram viáveis. Marechal Cândido Rondon:  Editora O Presente Especiais Ltda., 2021, p.22). -- FOTO 15 --

___________________________________

2016 — Toma posse o novo presidente da Organização das Cooperativas do Estado do Paraná (OCEPAR), o engenheiro-agrônomo José Roberto Ricken, em substitução a João Paulo Koslovski, após 20 anos na presidência do Sistema (O Presente. Marechal Cândido Rondon: ed. 05 de abril de 2016, p. 06). -- FOTO 16 --

__________________________________

2016 — Acontece na cidade de Cascavel, a posse da nova diretoria da Coordenadoria das Associações Comerciais e Empresariais do Oeste do Paraná (CACIOPAR) tendo como presidente o empresário santahelenense Leorevaldo Curtarelli de Oliveira (O Presente. Marechal Cândido Rondon: ed. 05 de abril de 2016, p.13) -- FOTO 17 --

___________________________________

2016  Falece o pioneiro do distrito rondonense de Bom Jardim, Ludwig Römer. Chegou com a sua família em Marechal Cândido Rondon, em 1959 (nota do pesquisador-- FOTO 18 --

___________________________________

2018 — Falece o pioneiro rondonense e primeiro contador da Prefeitura Municipal de Marechal Cândido Rondon, senhor Ruben Luersen, ao 78 anos, vítima de uma diverticulite. Foi nomeado para o cargo pelo Decreto nº 16 de dezembro de 1961, assinado pelo prefeito municipal Arlindo Alberto Lamb. Também foi jogador do Oeste Paraná Futebol Clube.

É nascido em 23 de março de 1940, em Alto Bela Vista, município de Concórdia (SC) filho de Selita e Evaldo Luersen. Casou-se na cidade de Céu Azul (PR), com Nelma Wolf.

Seu corpo é sepultado no cemitério público da cidade de Marechal Cândido Rondon (nota do pesquisador). -- FOTO 19 --

___________________________________

2018 — É Domingo de Páscoa. -- FOTO 20 --

__________________________________

2019 — O vereador Cleiton Freitag (Gordinho do Suco) renuncia¹ a vice-presidência da Câmara Municipal de Marechal Cândido Rondon, apontando razões particulares e a necessidade de estar integrado com seu partido, o Democratas (nota do pesquisador). -- FOTO 21 -- 
 

¹ A renúncia do vereador Cleiton Freitag é a segunda de um vice-presidente na atual legislatura. Em 1º de outubro de 2018, o vereador Ronaldo Pohl deixou o cargo alegando incompatibilidade com o presidente do Legislativo Municipal, vereador Pedro Rauber. 

__________________________________

2019 — Em Assembleia Geral Ordinária, realizada em Curitiba, o engenheiro agrônomo José Roberto Ricken é reconduzido ao cargo de presidente do Sistema Ocepar¹, para a gestão 2019/2023. -- FOTO 22 --
 

¹ Organização das Cooperativas do Estado do Paraná.  O Sistema Ocepar possui atualmente (02.04.2019) 215 cooperativas registradas, que atuam em sete diferentes ramos (agropecuário, crédito, saúde, infraestrutura, trabalho, consumo e transporte). Em 2018, elas movimentaram R$ 83,5 bilhões, o que representa um crescimento de 18,77% sobre o R$70,3 bilhões de 2017. As exportações atingiram U$ 3,9 bilhões. O setor abrange 1,8 milhão de cooperados e emprega mais de 96 mil pessoas. Também responde por cerca de 60% da produção agropecuária paranaense. 

___________________________________

2019 — Os vereadores rondonenses Adriano Cottica (PP, Arion Nasighil (MDB), Josoé Pedralli (MDB) e Ronaldo Pohl (PSD) protocolam projeto de resolução na Câmara Municipal de Marechal Cândido Rondon, para acrescentar parágrafos no artigo 245 do Regimento Interno, que objetiva a instalação de "bafômetro¹" no Legislativo para averiguar sinais de embriaguez de algum vereador (O Presente. Marechal Cândido Rondon: ed. 02 de abril de 2019, p. 03). -- FOTO 23 --
 

¹ Dias antes o vereador Adriano Cottica já tinha feito uma auto gravação (audiovisual), via whatsapp, sobre a apresentação da propoposição e remetido à TV Tarobá, da cidade de Cascavel, que apresentou o material no notíciário do meio-dia. A iniciativa do projeto de resolução dos quatro edis é propositada em atingir politicamente o vereador Pedro Rauber e indiretamente seu filho Marcio Andrei Rauber, por ser oposição aos políticos proponentes (nota do pesquisador). 

___________________________________

2019 — Por atuar como diretor na última gestão da Organização da Cooperativas do Paraná (Sistema OCEPAR), o diretor-presidente do Conselho de Administração da Cooperativa Agroindustrial Copagril, de Marechal Cândido Rondon, Ricardo Silvio Chapla, é homenageado na Assembleia Geral Ordinária da organização cooperativista estadual com o troféu "Cooperativas Orgulho do Paraná", em reconhecimento ao seu trabalho como dirigente (Revista Copagril. Marechal Cândido Rondon: ed. 109 - ano 14,  março/abril 2019, p. 45). -- FOTO 24 --

___________________________________

2019 — A Sicredi Aliança PR/SP, com sede central na cidade de Marechal Cândido Rondon, lança a maior campanha de sua história, a promoção denominada "Vem investir e ganhar", com o sorteio de R$230 mil em premiações até outubro de 2019, incluindo três sorteios mensais de R$ 5 mil e dois carros zero quilômetro: um KASE e Jeep Compass (O Presente. Marechal Cândido Rondon: ed. 05 de abril de 2019, p. 20). 

___________________________________

2020 — O prefeito municipal de Matelândia, Rineu Menoncin (Teixeirinha), assume a presidência da Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (AMOP), em virtude da renúncia do presidente da entidade, prefeito Júnior Willer, de Jesuítas, por ser candidato à reeleição em seu município (O Presente. Marechal Cândido Rondon: ed. 03 de abril de 2020, p. 10). -- FOTO 25 --

___________________________________

2020 — Depois de um longo período sem rotatividade de plantão — um descumprimento do artigo 56, da Lei nº 5.991/73, de 17 de dezembro de 1973, que dispõe que "as farmácias e drogarias são obrigadas a plantão, pelo sistema de rodízio, para atendimento à comunidade, as farmácias da sede municipal de Marechal Cândido Rondon implementam o plantão via calendário indicativo, com dia definido para cada estabelecimento (O Presente. Marechal Cândido Rondon: ed. 03 de abril de 2020, p. 36 e 37).
 

Ver mais, clique aqui

___________________________________

2020 — O Ministério Público da comarca de Marechal Cândido Rondon ajuíza ação civil pública urgente contra a Prefeitura Municipal rondonense, exigindo que o comércio local volte a fechar as portas, como medida preventiva à transmissão do coronavírus. A ação é assinada pelos promotores João Eduardo Antunes Mirais, Marcus Vinicius Ferraz Homem Xavier e Carlos Alberto Dias Torres.

Na ação, os promotores querem a suspensão dos efeitos do Decreto nº 088/2020, de 28 de março último, em que é liberado o funcionamento do comércio desde o dia 31 de março.
 

Ver a ação civil pública, clique aqui
 

Ver mais, clique aqui.

___________________________________

2021 — Falece na cidade de Quatro Pontes, Beatriz Helena Deimling, professora de língua alemã, de muitos anos de atuação nas cidades de Marechal Cândido Rondon e Quatro Pontes, aos 57 anos, vítima da COVID 19.

Foi uma pessoa que lutou com muita garra e dificuldade até chegar ao professorado de língua alemã. Vivia com intensidade a Cultura e a Língua Alemãs. A simplicidade, a expontaneidade e sempre prestativa foram marcas de sua personalidade.

Seu corpo é sepultado no cemitério público da cidade de Quatro Pontes. -- FOTO 26 --

___________________________________

2021 — Em repúdio ao encaminhamento da discussão sobre as novas concessões de rodovias, instalação de mais praças de pedágio e tabelamento do preço do pedágio, o presidente da Câmara Municipal de Cascavel, vereador Alécio Espíndola, aparece com um corrente no pescoço, durante a recepção ao ministro dos Transportes, Tarcísio Freitas, na Prefeitura local.

Em dias anteriores, o político já tinha presidido sessões do Legislativo cascavelense, com o artefato no pescoço, em protesto ao mesmo motivo. -- FOTO 27 --

___________________________________

2022 — A empresária rondonense Mirta Steinmacher assume a presidência da Associação Beneficente Lar Rosas Unidas, entidade mantenedora do Asilo Lar Rosas Unidas, de Marechal Cândido Rondon, para o biênio 2022-2024.

Ela é eleita em assembleia geral ordinária da entidade no último dia 28 de março, na sede social da Associação Atlética e Cultural Copagril (AACC) e substitui Junior Paulino Nicszak (O Presente. Marechal Cândido Rondon: ed. 01 de abril de 2022, p. 17). -- FOTO 28 --

____________________________________

2022 — A estudante Isabely Lutkemayer Garcia Silva, de 15 anos, do Colégio Militar de Marechal Cândido Rondon (CM) afirma que o ensino mudou para melhor depois da chegada dos militares no educandário: "Eu imaginava que seria mais rígido, mas o maior diferencial é a questão são os uniformes e a ordem na sala, tem menos bagunça. Estou gostando e me adaptei bem. Ultrapassou as minhas expectativas.

A cidade de Marechal Cândido Rondon passou a ter dois colégicos cívico-militares: Colégio Militar de Marechal Cândido Rondon e o Colégio Cívico- Militar Frentino Sackser. Em ambas instituições de ensino, os alunos receberam uniformes de gala e esportivos (O Presente. Marechal Cândido Rondon: ed. 01 de abril de 2022, p. 18 e 19). 

___________________________________

2022 — Aposenta-se a professora de Educação Especial, a pioneira rondonense Ilda Bet, depois de atuar por 40 anos na Escola Pequeno Lar (APAE), de Marechal Cândido Rondon (PR) (nota do pesquisador). -- FOTO 29 --

___________________________________

2022 — Pelo Decreto nº 11.029, o Governo Federal define um desconto de até 35,2% para o pagamento das parcelas de crédito agropecuário contratado por produtores que tiveram perdas causadas pela severa estiagem na safra 2021/2022.

O desconto benefica agricultores dos estados do Paraná, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.  A perda no Paraná é na ordem de 45% na soja e 32% no milho (O Presente. Marechal Cândido Rondon: ed. 08 de abril de 2022, p. 34).

___________________________________

2022 — A sexta-feira é de céu nublado em Marechal Cândido Rondon e no Oeste do Paraná, sem qualquer precipitação pluviométrica. Ventos do quadrante Sul, moderados. Temperatura entre 18 e 26 graus (nota do pesquisador).

___________________________________

2023 — Falece na cidade de Cascavel, o arcebispo emérito D. Lúcio Ignácio Baumgartner, aos 91 anos, em decorrência de complicações respiratórias. Seu corpo é sepultado no Cemitério Central da cidade de Cascavel, onde também estão sepultados  D. Armando Cirio e D. Mauro Aparecido do Santos.

Antes de ser nomeado arcebispo da Província Eclesiástica de Cascavel, foi bispo da diocese de Toledo (PR), com posse em 20 de novembro de 1983. É natural de Nova Milano, município de Farroupilha (RS), nascido em 02 de setembro de 1931 (nota do pesquisador). -- FOTO 30 --

___________________________________

2023 — O deputado federal Elton Welter, da cidade de Toledo, visita o coordenador do Projeto Memória Rondonense, Harto Viteck, para conhecer o trabalho de pesquisa que está sendo desenvolvido pela equipe da proposta de trabalho (nota do pesquisador). -- FOTO 31 --

___________________________________

2023 — Jessica Krein, Miss Marechal Cândido Rondon 2023, participa do Miss Universo Paraná 2023, na cidade de Umuarama (PR). A rondonense fica entre as seis finalistas do concurso. É eleita, também, Musa Makiê, por seu destaque na maquiagem pessoal pré-seletiva (nota do pesquisador). -- FOTO 32 --

___________________________________

2023 — A Prefeitura Municipal de Marechal Cândido Rondon, por sua Secretaria de Esporte e Lazer, realiza no Lago Municipal, o evento "Brincando no Lago" (nota do pesquisador). -- FOTO 33 --

___________________________________ 

2023 — Sábado de sol pleno na cidade de Marechal Cândido Rondon e no Oeste do Paraná. Ventos do quadrante Sudoeste, fracos. Temperaturas entre 21 e 27 graus (nota do pesquisador). --FOTO 34 --

___________________________________

2024 — É segunda-feira. O dia manhece na cidade de Marechal Cândido Rondon com temperatura de 22 graus e ventos do quadrante Nordeste, fracos. Céu encoberto, ao amanhecer, parcialmente, de nebulosidade tipificada como altostratus (nota do pesquisador).

___________________________________

2024 — Começa na cidade de Toledo (PR) e segue até o dia 03, a Inovamet Toledo 2024, evento para a área de inovação na produção de proteína animmal. 

___________________________________

Compartilhe

COMENTÁRIOS

Memória Rondonense © Copyright 2015 - Todos os direitos reservados