Acontecimentos históricos do dia 13 de Dezembro

1969 – São diplomados os vereadores eleitos nas eleições municipais do dia 30 de novembro.

Vereadores eleitos em 30 de novembro de 1969 e diplomados em 13 de dezembro.
Imagem: Acervo CM-MCR - FOTO 1 _
Vereadores eleitos em 30 de novembro de 1969 e diplomados em 13 de dezembro. Imagem: Acervo CM-MCR - FOTO 1 _
Casal Mary Stela e Karl Seyboth com os
 filhos, da esquerda à direita:
Gabriele, Friedrich Rupprecht, Brunhilde, Fritz (bebe) e Karl.
Imagem: Acervo Família Seyboth - FOTO 2 - 
A foto foi tirada em Estrela (RS).
Casal Mary Stela e Karl Seyboth com os filhos, da esquerda à direita: Gabriele, Friedrich Rupprecht, Brunhilde, Fritz (bebe) e Karl. Imagem: Acervo Família Seyboth - FOTO 2 - A foto foi tirada em Estrela (RS).
Enterro de Leonora Pöttker - féretro pela Avenida Rio Grande do Sul, a caminho do cemitério público da sede municipal de Marechal Cândido Rondon. 
Imagem: Acervo Família de Arlindo e Norma Lamb 
- FOTO 3 -
Enterro de Leonora Pöttker - féretro pela Avenida Rio Grande do Sul, a caminho do cemitério público da sede municipal de Marechal Cândido Rondon. Imagem: Acervo Família de Arlindo e Norma Lamb - FOTO 3 -
Féretro com o corpo da pioneira Leonara Pöttker a caminho do cemitério municipal da sede municipal de Marechal Cândido Rondon, pela Avenida Rio Grande do Sul. 
Imagem: Acervo Família de Arlindo e Norma Lamb  - FOTO 4 -
Féretro com o corpo da pioneira Leonara Pöttker a caminho do cemitério municipal da sede municipal de Marechal Cândido Rondon, pela Avenida Rio Grande do Sul. Imagem: Acervo Família de Arlindo e Norma Lamb - FOTO 4 -
Os jovens rondonenses Marlene Adamczyk e Hilário Datsch no dia de casamento em 13 de dezembro de 1975. Imagem: Acervo da família - FOTO 5 -
Os jovens rondonenses Marlene Adamczyk e Hilário Datsch no dia de casamento em 13 de dezembro de 1975. Imagem: Acervo da família - FOTO 5 -
Orquestra de Teutônia que se apresentou em Marechal Cândido Rondon, em dezembro de 2014. 
Imagem: www.mcr.pr.gov.br/noticias/3210 - FOTO 6 -
Orquestra de Teutônia que se apresentou em Marechal Cândido Rondon, em dezembro de 2014. Imagem: www.mcr.pr.gov.br/noticias/3210 - FOTO 6 -
Momento da entrega do título de cidadão honorário de Marechal Cândido Rondon ao professor Leocir Lang. 
Da esquerda a direita: vereador João Marcos Gomes, Presidente da Câmara Municipal; vereador Elmir Port, proponente do título;  homenageado, prefeito municipal Moacir Froelich e ex-vereador Ito Rannov, proponente conjunto da outorga da honraria. 
Imagem: Acervo da CM-Marechal Cândido Rondon. 
Crédito: Cristiano Marlon Viteck - FOTO 7 -
Momento da entrega do título de cidadão honorário de Marechal Cândido Rondon ao professor Leocir Lang. Da esquerda a direita: vereador João Marcos Gomes, Presidente da Câmara Municipal; vereador Elmir Port, proponente do título; homenageado, prefeito municipal Moacir Froelich e ex-vereador Ito Rannov, proponente conjunto da outorga da honraria. Imagem: Acervo da CM-Marechal Cândido Rondon. Crédito: Cristiano Marlon Viteck - FOTO 7 -
Professor Nilson Arlindo Freitag com o título de cidadão honorário de Marechal Cândido Rondon, ladeado pelo vereador Pedro Rauber (e), autor da homenagem, e pelo prefeito municipal Marcio Andrei Rauber. 
Imagem: Acervo Imprensa CM-Marechal Cândido Rondon - Crédito: Cristiano Marlon Viteck - FOTO 8 -
Professor Nilson Arlindo Freitag com o título de cidadão honorário de Marechal Cândido Rondon, ladeado pelo vereador Pedro Rauber (e), autor da homenagem, e pelo prefeito municipal Marcio Andrei Rauber. Imagem: Acervo Imprensa CM-Marechal Cândido Rondon - Crédito: Cristiano Marlon Viteck - FOTO 8 -

======================================================================================================

1919 - Nasce na cidade de Estrela (RS), o pioneiro e primeiro médico da cidade de Marechal Cândido Rondon, Friedrich Rupprecht Seyboth. Filho do casal imigrante alemão Mary Stella (nascida Ruschel) e Karl Seyboth¹. 

Formou-se em medicina na Alemanha, para onde se encaminhou a família depois de alguns anos de residência no Brasil. -- FOTO 2 --

¹ Era natural da cidade de Munique, Baviera. Veio ao Brasil para trabalhar como mestre-cervejeiro junto a antiga Cervejaria Polar, com sede em Estrela. Nessa cidade casou-se com Mary Stella, filha do casal Mathias Ruschel Sobrinho, ambos nascidos no Brasil.

______________________________________

1961 - Falece a pioneira Leonora (nascida Hörle) Pötker, mãe de Norma (Pötker) Lamb (filha única) e sogra de Arlindo Alberto Lamb, primeiro prefeito eleito de Marechal Cândido Rondon. A falecida foi casada com Frederico Theodoro Guilherme Pötker (Informação da família).  -- FOTOS 3 e 4 -- 

* Nas fotos do féretro podemos observar o comportamento social que existia, naquela época, na passagem de um cortejo fúnebre numa via pública a caminho do cemitério. Um costume que vinha de décadas e hoje não se encontra mais voga. Os transeuntes, caso estivessem de chapéu na cabeça, tiravam-no em respeito ao falecido. As mulheres, se estivessem de guarda-chuva para se proteger do sol, fechavam-no. Os motoristas também paravam seus veículos e o comércio cerrava as portas até o fim da passagem do séquito. 

A família do falecido, os homens usavam camisa preta, na maioria das vezes, por um ano; e as mulheres vestido na mesma cor pelo mesmo recorte detempo. Também não se ia à bailes e festas por idêntico período. Nas colônias italianas, existia o costume da família rezar o terço todas as noites, por um ano.

Se existia algum casamento previamento previsto,  que ainda não tinha sido encaminhado em cartório e igreja, ele era transferido até se completar um ano do falecimento. Caso já haviam proclamas e data marcados, o casamento acontecia sem comemoração. 

_______________________________

1974 – É inaugurado o então Supermercado Monalisa, de propriedade da Família Dalla Vecchia, onde hoje está instalada a Veterinária Brusque, à Av. Rio Grande do Sul, na sede municipal de Mal. C. Rondon.

_______________________________

1975 – O então Ginásio Cenecista Capitão Heitor Mendes, da sede distrital de Porto Mendes, formava mais uma turma de ginasianos, em solenidade realizada na sede social da Sociedade Esportiva e Cultura Sempre Verde.

_______________________________

1975 – O então Ginásio Cenecista Carlos Becker, da sede distrital de Margarida, em solenidade no então salão de bailes de Irmãos Rosseto, formava mais uma turma de ginasianos. Paraninfo: Ari José Hoff. Patrono: Félix Carletto

_______________________________

1975 – O então Ginásio Cenecista Pio XII, da atual sede municipal de Entre Rios do Oeste, formava mais uma turma de ginasianos, em solenidade no salão de bailes local. Paraninfo: João Natálio Stein.Patrono:  Lauro Rohde.  Nome de turma: Prof. Rudi Gerhardt

_______________________________

1975 – O então Ginásio Cenecista Willy Barth, na atual sede municipal de Mercedes, formava mais uma turma de ginasianos, no Pavilhão da Igreja Evangélica local. Nome de turma: Prof. Salvino Vanderlinde. Patrono: Hilário Schaedler. Paraninfo: Benjamin Zenker.

_______________________________

1975 – É sepultado no cemitério público de Marechal Cândido Rondon, o corpo do jovem Alfeu Joris, que cometeu suicídio se atirando nas então Sete Quedas, no dia 04 de dezembro de 1975.

________________________________

1975 – É inaugurada a cancha de bolão, com quatro pistas oficiais, da Sociedade de Cantores Lira, da Linha Horizonte, com a realização de um torneio que se estendeu até o dia 11 de janeiro.

_______________________________

1975 - Casam-se na Igreja da Comunidade Evangélica Martin Luther, os jovens Hilário Datsch e Marlene Adamczyk. -- FOTO 5 -- 

_______________________________

1975 - É fundada a Cooperativa Central Regional Iguaçu (Cotriguaçu), formada por cooperativas agrícolas do Oeste do Paraná (COSTA, Luiz Alberto Martins da. Calendário Histórico de Toledo – Cronologia de Fatos, Registros e Curiosidades da História do Município de Toledo. Toledo: Gráfica e Editora GFM, 2009. p.285).

_____________________________________

1976 – São diplomados os vereadores e suplentes eleitos a Câmara Municipal de Marechal Cândido Rondon na eleição de 15 de novembro. A solenidade foi conduzida pelo juiz eleitoral Dr. José Carlos Lins Santos.

_______________________________

1976 - A aluna Lenir Sander, filha de Arno e Iria Sander (in memoriam), do então Ginásio Cenecista Luiz Ernesto Fleck, da sede distrital de Iguiporã, vence o concurso “Contribuinte do Futuro” da Receita Federal, para alunos de 4ª e 5ª séries. A vencedora e seu professor Plínio Kaufmann foram condecorados com medalhas de ouro.

_______________________________

1977 - Em virtude da desfiliação do município de Toledo da Associação dos Municípios do Oeste do Paraná - AMOP, cujo prefeito (Duílio Genari) era 1º vice presidente da entidade, o prefeito municipal Almiro Bauermann, de Marechal Cândido Rondon, assume a 1ª vice-presidência da AMOP (Frente Ampla de Notícias - Rádio Difusora do Paraná, vol. 40, de 03.12.1977 a 16.01.1978). 

________________________________

1977 - Acontece na cidade de Francisco Beltrão, no sudoeste do Paraná, a constituição da Cooperativa Central Agropecuária do Sudoeste (SUDCOOP), formada pelas seguintes cooperativas agropecuárias: Cooperativa Agropecuária do Sudoeste Ltda. (COASUL), da cidade de São João; Cooperativa Mista de Francisco Beltrão (CONFRABEL), de Francisco Beltrão; Cooperativa Agrícola Mista Duovizinhense (CAMDUL); e Cooperativa Mista Agropecuária Sabadi (COOPERSABADI), de Barracão. 

A formação da cooperativa central aconteceu em solenidade na Câmara Municipal de Francisco Beltrão, durante as festividades do jubileu da prata de emancipação político-administrativa da cidade. O evento¹ contou com a presença do ministro da Agricultura, Alysson Paulinelli; do governador do Paraná, Jayme Cante Júnior; e do secretárrio da Agricultura e do Abastecimento, Paulo Carneiro Ribeiro (D'ALESSANDRO, Elis. Memórias Frimesa: 40 Anos de História 1977-2017. Medianeira (PR): Frimesa, 2017, p. 16 e 17). 

¹ Há uma contradição na data de fundação. No livro antes referido, é mencionado a data de 13 de dezembro de 1977, na placa de fundação consta o dia 14 de dezembro de 1977 (D'ALESSANDRO, Elis. Memórias Frimesa: 40 Anos de História 1977-2017. Medianeira (PR): Frimesa, 2017, p. 14 e 15). 

_______________________________________

1984 – É inaugurado festivamente o Posto de Serviços Telefônicos, em Vila Curvado.

_________________________________

2014  - Acontece a apresentação da Orquestra de Teutônia, RS, no Lago Municipal, como parte da programação natalina organizada pela Secretaria Municipal de Cultural de Marechal Cândido Rondon.  -- FOTO 6 -- 

_______________________________

2016 - Em sessão solene, a Câmara Municipal entrega o título de cidadão honorário de Marechal Cândido Rondon ao professor Leocir Lang, por sua atuação como dirigente do Lions Club. -- FOTO 7 -- 

_______________________________

2018 - A Câmara Municipal de Marechal Cândido Rondon, em sessão solene, no auditório da  ACIMACAR, outorga o título de cidadão honorário do município ao professor rondonense Nilson Arlindo Freitag. 

A homengem foi prestada por proposição do vereador Pedro Rauber via projeto de decreto legislativo nº 05/2018. -- FOTO 8 -- 

Sobre a homeangem prestada, a assessoria da Câmara Municipal emitiu a seguinte nota: 

Professor Nilson Freitag recebe título de Cidadão Honorário de Marechal Rondon

O Poder Legislativo Municipal realizou, na noite desta quinta-feira (13), sessão solene de entrega de título de Cidadão Honorário de Marechal Cândido Rondon ao professor Nilson Arlindo Freitag. A homenagem tem como autor o vereador presidente Pedro Rauber. 

“A homenagem se justifica pelos relevantes serviços prestados por Nilson Freitag ao município no setor educacional”, afirmou Pedro Rauber no projeto de decreto legislativo 05/2018, que concedeu a honraria e foi aprovado por unanimidade.

Além do presidente da Casa de Leis, prestigiaram o evento os vereadores Nilson Hachmann e Vanderlei Sauer, o prefeito Marcio Rauber, além de outras autoridades, lideranças e convidados do homenageado.

Em seu pronunciamento, Nilson Freitag destacou a importância da educação no desenvolvimento da sociedade. Ele dedicou o título de Cidadão Honorário à esposa Cleide Freitag, que também é professora; aos filhos Marcio, Daniele e Adriana e aos professores rondonenses.

De outra parte, Pedro Rauber e Marcio Rauber destacaram a atuação do professor, que teve uma carreira de mais de 40 anos no setor educacional do município.

O prefeito, ex-aluno de Nilson Freitag, se emocionou ao falar do professor, a quem demonstrou gratidão pelos ensinamentos que recebeu quando estudante. Marcio Rauber, que além de advogado também é professor, citou o homenageado como um dos maiores incentivadores para que ele seguisse carreira no magistério.

Biografia

Nilson Arlindo Freitag é natural de Piratuba (SC), onde nasceu em 21 de maio de 1943, filho de Arceno Edmundo Freitag e Maria Elma Freitag.

No início de 1958 recebeu bolsa de estudos federal, conquistada através de exame classificatório, indo para Marcelino Ramos (RS), onde cursou o ginasial em regime de internato, no Ginásio Sinodal Julio de Castilhos.

De 1962 a 1964 estudou no Colégio Sinodal de São Leopoldo (RS), desta vez com bolsa de estudos da Rede Sinodal, onde concluiu o curso Científico.

Aluno dedicado, foi convidado pela direção do colégio para trabalhar como professor no educandário, de 1965 a 1968. Neste período, cursou Matemática na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de São Leopoldo, hoje denominada Unisinos.

Naquela época, o professor Nilson Arlindo Freitag foi selecionado pelo Colégio Sinodal para ir à cidade alemã de Wuppertal ensinar Língua Portuguesa, costumes e cultura brasileira para pastores da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil (IECLB), que vinham atender as comunidades no Brasil.

Paralelamente, o Consulado da Alemanha em Porto Alegre ofereceu uma bolsa de estudos, em 1969, na Escola Superior de Pedagogia de Wuppertal. A contrapartida do governo alemão era de que, retornando ao Brasil, trabalhasse em escola com divulgação da língua e cultura germânica.

Foi assim que, em 1970, ele veio para o Colégio Rui Barbosa, que tinha convênio com a Alemanha. Foi o primeiro professor com formação superior em Matemática a trabalhar em Marechal Cândido Rondon.

Aprovado em concurso estadual em 1980, assumiu o cargo de professor no Colégio Estadual Eron Domingues, onde já lecionava há 10 anos, aposentando-se em 1996. Lecionou também durante 10 anos na Escola Normal, também estadual.

De 1986 a 2011 lecionou na Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), nos cursos de Administração, Ciências Contábeis e Agronomia.

Especialista em Metodologia de Ensino em Matemática, o homenageado auxiliou na implantação do Colégio Martin Luther. Além deste educandário, também foi professor

no Colégio Cenecista David Carneiro, em cursinhos pré-vestibulares e preparatórios para concursos públicos.

Na área esportiva, foi orientador no futebol de campo, atletismo, natação e xadrez nas olimpíadas dos colégios de Marechal Cândido Rondon.

Na área social, participou do Grupo de Danças Folclóricas, quando representou Marechal Cândido Rondon e no carnaval do Rio de Janeiro em 1993.

_____________________________________

 

Compartilhe

COMENTÁRIOS

Memória Rondonense © Copyright 2015 - Todos os direitos reservados