Acontecimentos históricos do dia 14 de Março

1920 - Nasce Heribert Hans-Joachim Gasa, que instalou em 1961 a primeira ótica em Marechal Cândido Rondon (...)

Heribert Hans-Joachim Gasa fotogrado em sua ótica que instalou em 1961, na esquina das ruas Tiradentes com a Rio de Janeiro, à direita no sentido leste-oeste. Imagem: Acervo Revista Região -FOTO 1 -
Heribert Hans-Joachim Gasa fotogrado em sua ótica que instalou em 1961, na esquina das ruas Tiradentes com a Rio de Janeiro, à direita no sentido leste-oeste. Imagem: Acervo Revista Região -FOTO 1 -
Cópia da publicação da Lei Estadual 1.383/1914, que cria o município de Iguassu, depois Foz do Iguaçu. Imagem: Acervo Arquivo Público do Paraná - FOTO 2 –
Cópia da publicação da Lei Estadual 1.383/1914, que cria o município de Iguassu, depois Foz do Iguaçu. Imagem: Acervo Arquivo Público do Paraná - FOTO 2 –
Mapa do Paraná de 1948 a área do território do então município de Iguassu, compreendido desde às margens do Rio Iguaçu até às margens do Rio Ivaí. 
Imagem: Acervo Toledo Memória e Fotos Atuais - FOTO 3 -
Mapa do Paraná de 1948 a área do território do então município de Iguassu, compreendido desde às margens do Rio Iguaçu até às margens do Rio Ivaí. Imagem: Acervo Toledo Memória e Fotos Atuais - FOTO 3 -
Pioneiro Otti Beno Freitag que chegou em Marechal Cândido Rondon, em 14 de março de 1955. 
Imagem: Acervo Memória Rondonense - FOTO 4 -
Pioneiro Otti Beno Freitag que chegou em Marechal Cândido Rondon, em 14 de março de 1955. Imagem: Acervo Memória Rondonense - FOTO 4 -
Judoca  Caio Gabriel da Cunha,  que  conquistou a medalha de bronze  , no Campeonato Paranaense de Judô nas categorias sub-18, sub-21., com o diretor do Colégio Rui Barbosa, pastor Émerson Zielke. 
Imagem: Acervo O Presente - FOTO 5 -
Judoca Caio Gabriel da Cunha, que conquistou a medalha de bronze , no Campeonato Paranaense de Judô nas categorias sub-18, sub-21., com o diretor do Colégio Rui Barbosa, pastor Émerson Zielke. Imagem: Acervo O Presente - FOTO 5 -
Cópia do projeto de lei que reconhece a cidade de Marechal Cândido Rondon como
Cópia do projeto de lei que reconhece a cidade de Marechal Cândido Rondon como "Cidade das Bicicletas". - FOTO 6 -
Justificativa do projeto de lei que reconhece Marechal Cândido Rondon  como
Justificativa do projeto de lei que reconhece Marechal Cândido Rondon como "Cidade das Bicicletas". - FOTO 7-
Humorista
Humorista "Badin" (Eduardo Christ) que se apresnetou na cidade de Marechal Cândido Rondon, em meados de março de 2019. Imagem: Jornal O Pioneiro/Clirbs - Crédito: Eduardo Holmes - FOTO 8 -
Banner convite para o show de
Banner convite para o show de "Badin", em Marechal Cândido Rondon. Imagem: Acervo Memória Rondonense - FOTO 9 -
Josiane Maciel, Marcelo Ewerling e Paloma Santin recebendo pela Acimacar o Selo de Ouro de Referência em Qualidade do Sebrae/PR, em março de 2019
Imagem: Acervo O Presente - FOTO 10 -
Josiane Maciel, Marcelo Ewerling e Paloma Santin recebendo pela Acimacar o Selo de Ouro de Referência em Qualidade do Sebrae/PR, em março de 2019 Imagem: Acervo O Presente - FOTO 10 -

======================================================================================================

1914 - Pela Lei Estadual nº 1383/1914, é criado o município de Iguassu, atualmente Foz do Iguaçu, e fixava os  limites de seu território, ao  norte, até o Rio Piquiri; e ao leste até o talvegue do Rio Tormenta, entre os atuais municípios de Cascavel e Guaraniaçu. O que corresponde ao espaço geográfico de todo o Oeste do Paraná. -- FOTOS 2 e 3 -- 

________________________________

1920 - Nasce  Heribert Hans-Joachim Gasa, na localidade de Dambritsch,  na cidade de Neumarkt, na Baixa Silésia, que hoje pertence a Polônia. -- FOTO 1 -- 

O imigrante alemão instalou, em 1961, a primeira ótica na cidade de  Marechal Cândido Rondon (nota do pesquisador). -- FOTO 4 --

Ver mais, clique aqui

______________________________

1955 - Chega de mudança na então vila de General Rondon, o pioneiro Otti Beno Freitag, filho do casal pioneiro Selma (nascida von Borstel) e Hugo Alfredo Freitag, procedente de Piratuba (SC), à convite de seu tio Edvino von Borstel, para ajudar no atendimento do posto de combustível que ele havia instalado na nova localidade. Aliás, o primeiro. 

A vinda de Otti também foi para fazer companhia para a esposa (Edith Anna) e sogra (Helena Schmitz) de Edvino von Borstel, devido as suas constantes ausências na busca de combustível e transporte de mudanças de Piratuba (SC) para o Oeste do Paraná, quase 100% para a atual Marechal Cândido Rondon

Sobre a vinda a Marechal Rondon, Otti comenta que tinha recém deixado o serviço militar no quartel da cidade catarinense de  Porto União e que o assunto de ele vir para o Paraná foi mais diretamente tratado entre seu pai e tio. Recorda que via a mudança com certa apreensão, pois achava que nunca mais poderia rever seus pais e irmãos e a terra natal. "O Paraná era algum muito distante na época", lembra. 

Segundo o pioneiro seu pai já tinha vindo a Marechal Rondon em fevereiro de 1951 na companhia da caravana organizada pelo seu tio Edvino Von Borstel. Na época, ele teria comprado duas colônias e uma chácara.

Otti ainda  lembra que seu tio, naquela ocasião, negociou o carro com o qual trabalhava de táxi na cidade de Piratuba, com colonizadora Maripá, em troca de terras.  

O pioneiro também rememora que no mês seguinte de abril, quando o seu tio veio com nova caravana de possíveis compradores, seu pai Hugo pediu para o Edvino von Borstel comprar mais duas chácaras que mais tarde formaram o Loteamento Freitag, na cidade de Marechal Cândido Rondon

Com o propósito de manter a família junta, maior desejo de sua mãe Selma, toda a família Freitag muda-se para Marechal Rondon, no mês seguinte de julho, chegando no dia 10, após 11 de viagem desde Piratuba. Instala-se numa morada existenta na chácara de propriedade do morador de Piratuba, Gottlieb Wolfart², onde hoje (29.04.2019), é o Jardim Líder, em Marechal Cândido Rondon, até a residência da família ficar pronta na colônia³ adquirida na localidade de Arroio Fundo.

Até a construção ser concluída passaram-se  mais de dois anos. Foi necessário primeiro fazer a derrubada de área de mato, para o plantio de cereais para a sobrevivência da família, trato para animais e local para a construção da moradia e instalações para vacas leiteiras e criação de suínos¹ - atividade econômica na época para produzir dinheiro, detalha o pioneiro. Acrescenta que a derrrubada do mato foi feita por ele, o pai e mais o irmão Lauro Bruno.
 

¹ A família tentou a cafeicultura porém a tentativa não deu certo.
 

 ² Vendeu a propriedade e permaneceu morando em Santa Catarina. 
 

³ Com a mudança dos pais para a cidade de Marechal Cândido Rondon (foram moram junto com o filho Otti Bruno Freitag), a propriedade foi vendida para o médico psiquiatra rondonense Ivo Becker. 
 

Relata Otti que foram três mudanças que chegaram nesta data, todas ligadas aos von Borstel: a de seus pais (e mais da avó materna Fridalina, (nascida Schroeder), do casal Lizelotte (nascida Dickmann) e Ervino (Bostoca) von Borstel e do casal Ivone (nascida von Borstel) e Waldemar Schwingel. 
 

⁴ Duas mudanças foram transportadas em dois caminhões (um bem novo, Chevroleti, fez a primeira viagem) do comerciante de Piratuba, Fritz Luersen (cunhado do pioneiro rondonense Rodolfo Rieger), e a terceira pelo caminhão de Edvino von Borstel, por ele conduzido. 
 

⁵ Faleceu em 23 de julho de 1988. Seu corpo foi sepultado no cemitário público da cidade de Marechal Cândido Rondon.
 

Otti Beno Freitag se casou com Nelsita Drumm, filha de Elza Drumm que veio a se casar com Teobaldo Weber, em 18 de julho de 1959. O casamento religioso foi numa tarde de domingo na pequena igreja de madeira da Comunidade Evangélica Martin Luther da então vila de General Rondon, oficiado pelo pastor Kurt Henrichen, da cidade de Toledo.

Com  uma boa dose de humor, Otti recorda que antes casamento foi buscar a noiva de carroça na casa dos pais dela  na atual Linha Concórdia, na terça-feira da semana do enlace,  e a levou até a casa de seus pais. Com a mesma porção humor conta que na carroça ele também trouxe duas porcas e 10 leitões que a noiva tinha ganho de seus pais.

Otti lembra que depois do casamento levou a noiva e os animais em nova viagem de carroça até a morada construída numa das chácaras que hoje (29.04.2019)  integra o Loteamento Freitag.  O pioniero pontua que no atual contexto, os transporte de que fez de carro de boi,  é motivo de muito riso por parte de seus netos todas, às vezes, que conta a passagem.  -- FOTO 4 --

Ver mais, clique aqui  

___________________________________

1975 – Nascem os trigêmios de Jorge e Tereza Brum, que haviam casado em julho de 1974, no Hospital Fumagali, em Mal. Cândido Rondon. Um dos trigêmios, que havia recebido o nome de Mário, faleceu no dia 17 de março de 1975(nota do pesquisador).

_______________________________

1978 - Acontece a primeira reunião, às 20h e 30m,  com os agricultores da Linha Itapiranga, no então distrito de Pato Bragado, que serão desapropriados para a formação do Reservatóio da Itaipu Binacional. O evento foi promovido pela Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil, via seu departamento de Migração, por organização do pastor Kurt Walter Hatje. A reunião contou  com a participação do pastor Arteno Spellmeier, que atuava na região amazônica, para este expor e detalhar quanto a possibilidade dos agricultores desapropriados adquirirem terras na região norte do Brasil.

Reuniões idênticas foram realizadas no dia 15 de março, às 14h30minutos, em Bom Jardim; e às 20 horas, na sede distrital de Pato Bragado. No dia 16 de março, a reunião aconteceu na então vila de Porto Britânia, com início às 8horas e 30 minutos (Rádio Difusora Rondon. Frente Ampla de Notícias. Marechal Cândido Rondon: vol. 42,  de 24.02.1978 a 05.04.1978, p. A-154 e A-154). 

_______________________________

1978 - A Rádio Difusora anuncia que o gerente da então agência do então Banco Nacional, em Marechal Cândido Rondon, senhor José Luiz Vargas, que atuava desde a abertura da agência, fora transferido para a cidade de Ijuí, Rio Grande do Sul, onde o banco abriria uma agência. Em seu lugar na gerência da agência de Marechal Cândido Rondon assumiria o catarinense de Blumenau, senhor Edmar Isolani (Rádio Difusora Rondon. Frente Ampla de Notícias. Marechal Cândido Rondon: vol. 42,  de 24.02.1978 a 05.04.1978, p. A-162). 

_______________________________

1995 - É lavrada a primeira ata da Ordem Auxiliadora das Senhoras Congregacionais "Maranata", da comunidade da Igreja Evangélica Congragacional de Dois Marcos, Nova Santa Rosa. Primeira diretoria: Presidente: Lorena Schulz; secretária: Nori Nietsche e tesoureira: Lori Kelm (GREGORY, Valdir. IECB 50 ANOS - 1959 a 2009. Marechal Cândido Rondon: Editora Germânica, 2008, p. 145). 

_____________________________________

2015 -  O atleta rondonense Caio Gabriel da Cunha, de 16 anos,  conquista a medalha de bronze  na categoria faixa marrom adulto, peso médio (até 90 quilos, no Campeonato Paranaense de Judô nas categorias sub-18, sub-21, categorias faixas marrom e preta (nota do pesquisador). -- FOTO 5 -- 

_______________________________

2017 - Acontece em Brasília reunião no Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, entre os ministro Maurício Quintelle Lessa, bancada parlamentar federal do Paraná e lideranças políticas e empresarias do Oeste do Paraná para tratar sobre a não paralisação das obras de duplicação da BR-163, trecho Toledo - Marechal Cândido Rondon (O Presente. Marechal Cândido Rondon: ed. 17.03.2017, p. 10 e 11).

_______________________________

2018 - O Deputado estadual Elio Lino Rusch, por requerimento do vereador Nilson Hachmann, da Câmara Municipal de Marechal Cândido Rondon, apresenta projeto de lei na Assembléia Legislativa do Paraná dispondo sobre o reconhecimento da cidade de Marechal Cândido Rondon como "Cidade das Bicicletas" (nota do pesquisador). -- FOTOS 6 e 7 -- 

_____________________________________

2019 - Apresenta-se no Clube Concórdia, da cidade de Marechal Cândido Rondon, o humorista "Badin" (
 

¹ Histórico do humorista

Ele tem 26 anos, é do Rio Grande do Sul e trocou há três anos a carreira de engenheiro mecânico pela de humorista. O "Caipira" Eduardo Christ, mais conhecido como "Badin", segue os passos do Youtuber e humorista Whinderson Nunes no humor e vem fazendo sucesso na internet com seu jeito típico de menino do interior. Seus vídeos têm mais de 300 milhões de visualizações na internet, e ele viaja o país com o espetáculo "Badin, o Colono", já assistido por mais de 300 mil pessoas.

Eduardo faz mais de 25 apresentações por mês, com cachê que gira hoje em torno de R$ 15 mil por apresentação. Nada mal para quem antes trabalhava como engenheiro mecânico de desenvolvimento em uma empresa de carrocerias de ônibus na cidade de Erechim (RS), onde ele mora, e ganhava o salário de R$ 4,9 mil.

Badin morou no sítio até os 6 anos de idade, quando os pais do humorista se mudaram com ele e os dois irmãos mais velhos para uma casa em Erechim, cidade de 103 mil habitantes no norte do Rio Grande do Sul. O sítio que serve de cenário para os vídeos que ele grava pertence a um tio do humorista.

Com o dinheiro dos shows, Badin já trocou de carro e está juntando uma quantia para comprar uma casa. No início da carreira de humorista, o cachê dele era de R$ 500.

A carreira no humor começou por acaso, quando um áudio feito por ele falando sobre situações da cidade onde mora viralizou. Uma rádio da cidade executou ao vivo o áudio, e Eduardo então ligou, se identificou e ficou sete minutos no ar falando com o locutor. Desde então, começou a fazer sucesso e agora quer conquistar o Brasil (transcrito da postagem do empresa Conecta-se em sua página no Facebook, de 15.03.2019). 

____________________________________

2019 - No Encontro Estadual de PAs, na cidade de Cascavel, o Ponto de Atendimento (PA) do Sebrae/PR, da Associação Comercial e Empresarial de  Marechal Cândido Rondon (ACIMACAR), é homenageado com o Selo de Ouro de  Referência  em Atendimento (O Presente. Marechal Cândido Rondon: ed. 22.03.1019, p. 19). -- FOTO 10 --

____________________________________

Compartilhe

COMENTÁRIOS

Memória Rondonense © Copyright 2015 - Todos os direitos reservados